A união de marcas e famosos

Não é de hoje que vemos marcas e empresas enormes fecharem parcerias com diversos artistas e figuras públicas em seus comerciais e propagandas, mas você sabia que alguns fazem parte de seus conselhos e comitês de administração e/ou criatividade? Empresas como Ambev, Nubank e a Latam já fazem parte das marcas que olham para as celebridades com outros olhos, e é disso que vamos falar hoje. ;)


Na era virtual, diversas pessoas conquistaram o seu espaço no mundo da fama e chamaram atenção de grandes marcas. Um exemplo bem recente que podemos utilizar é da Juliette virando embaixadora de várias marcas pós BBB e o Gil junto com a Vigor e o Santander. Mas, hoje, a questão é um pouco mais complexa: vamos falar além dessa união de empresas e pessoas famosas para além dos comerciais.


Após o Big Brother Brasil de 2020, presenciamos Manu Gavassi dando uma aula de marketing durante o reality com os seus vídeos prontos antes do programa para serem postados no Instagram enquanto ela estivesse na casa, e claramente isso chamou a atenção de diversas empresas, mas a Tanqueray já havia olhado para a cantora de uma maneira diferente lá em 2019. Manu fazia parte do time de influenciadores da marca e sempre teve liberdade para criar à sua maneira, mas esse ano a atriz e cantora foi anunciada com uma nova posição: head de conteúdo, criação e campanhas digitais.


E isso está se tornando cada vez mais normal e comum, como o caso da Anitta. Nestes últimos dois anos, Anitta, que já cursou administração e hoje é diplomada em gestão administrativa, se tornou parte do time de empresas como Nubank e Ambev no conselho de administração e head de criação e inovação, respectivamente.





Muitas empresas acabam tendo uma visão um pouco mais fechada e limitada apenas focando em estratégias de marketing para possíveis campanhas, mas quem disse que esse é o único jeito de inovação e de se posicionar diferentemente de seus concorrentes? Esse novo “estilo” vem chamando muita atenção nas redes sociais; alguns gostam, outros não, mas números comprovam que esse pensamento negativo não tem base. E você? Acha que é uma nova tendência chegando no mercado ou apenas uma fase?


Referências:


https://economia.uol.com.br/noticias/redacao/2021/06/21/anitta-no-nubank-qual-papel-os-famosos-desempenham-nas-empresas.htm


https://veja.abril.com.br/blog/radar-economico/anitta-como-estrategia-de-marketing-do-nubank/


https://exame.com/marketing/de-amazon-a-skol-beats-anitta-da-aula-de-marketing-no-lancamento-de-clipe/#:~:text=Com%20a%20grande%20repercuss%C3%A3o%2C%20a,fez%20uma%20homenagem%20a%20cantora.&text=Segundo%20a%20fabricante%20de%20bebidas,desta%20bebida%20n%C3%A3o%20est%C3%A1%20programado.


https://www.meioemensagem.com.br/home/marketing/2019/09/30/anitta-se-torna-head-de-criatividade-e-inovacao-da-skol-beats.html


https://exame.com/negocios/marta-se-torna-lider-global-de-diversidade-e-inclusao-da-latam/


https://www.cnnbrasil.com.br/business/latam-anuncia-marta-como-lider-global-de-diversidade/


https://entretenimento.r7.com/pop/cantora-anitta-agora-e-diplomada-06102019


https://propmark.com.br/anunciantes/manu-gavassi-e-a-nova-head-de-conteudo-da-tanqueray/


PUBLICAÇÕES RECENTES

NOSSAS REDES SOCIAIS 

  • Facebook
  • Instagram
  • Linkedin