Conversa com o aluno: "acho incrível como valores e marcas movem as pessoas"

Ana Campos, amante do mundo da comunicação, abriu mão de uma super oportunidade profissional em respeito a seus valores e princípios.

A GENTE ADORA UM BOM BATE-PAPO

Bem-vindo ao nosso “Conversa com o aluno”! Aqui, pretendemos mostrar um pouco do dia a dia deles, dificuldades que enfrentam como profissionais diferenciados que são e, claro, os louros das vitórias por ações bem-sucedidas que implementaram ou das quais participaram nos seus lugares de trabalho.

SOBRE ANA

Ana tem 30 anos, nasceu em Minas Gerais e se mudou para São Paulo faz pouco mais de um ano. Sempre correu atrás do diferente e do desafiador, e nunca gostou de fazer a mesma coisa todos os dias - gente como a gente, não é mesmo?

"Sempre entendi que cada dia é um novo dia para eu me desafiar e fazer algo diferente" - parece algo que a Família Limão diria...

Ela ama se ocupar e fazer várias coisas ao mesmo tempo. Adora praticar esportes, trabalhar (às vezes em mais de um lugar), ler livros, ir ao teatro, fazer diferentes cursos (uhuuul) e até dar aula. Constantemente, busca novas experiências e, quando termina algo, já está procurando um novo desafio. Para ela, pensar que tem muita coisa para fazer relaxa.

#FICAADICA DA ANA

"Fazer várias coisas ao mesmo tempo não significa se entregar a várias coisas ao mesmo tempo. O ideal é dar o seu máximo em tudo o que faz; ou seja, apesar de fazer várias coisas, procuro estar sempre 100% presente e concentrada em cada atividade, sem dividir a atenção" comenta Ana. Para ela, não adianta fazer pela metade, sabe?

VIDA PROFISSIONAL

Formada em Publicidade, Ana ama a área de comunicação! "É incrível ler, traduzir e falar a língua de todos; saber ler as pessoas e entregar o que elas precisam" - difícil, não acham? "Acho fantástico o quanto marcas e valores movem as pessoas, e fazer parte disso é uma experiência maravilhosa".

Ana tem passagem por muitas agências como foco em experiência do cliente (olha o CX aíííí) e atendimento publicitário, mas talvez seu maior desafio até então tenha sido aceitar a liderança no Brasil de um estúdio de design indiano - oi??? Como chegou nisso? kkkk

O desafio de trabalhar com outras culturas foi irresistível, mesmo tendo uma rotina de quase 18 horas de trabalho por dia :o !!!

A CAMINHO DA ÍNDIA!

"Recebi uma proposta para assumir a diretoria de marketing do estúdio da Índia - sim, lá mesmo, tipo - fisicamente lá! E tendo em vista que tal oportunidade ia de encontro com minhas metas de vida e de carreira, aceitei me mudar para a Índia em dezembro" relata Ana.

PEDRAS NO CAMINHO (será?)

Ana nos contou um pouco sobre a sua experiência com a empresa indiana após ser pleiteada para assumir a direção da empresa. "Até me mudar definitivamente, trabalhei à distância no Brasil, mas percebi, no dia a dia, que o machismo era forte e enraizado corporativamente em muitas situações".

Segundo Ana, em muitas reuniões havia clara diferença de tratamento entre os sexos feminino e masculino, de maneira muito incômoda (ainda? Pois é...)

"Minha percepção é que a mulher, em empresas indianas, não tem voz" lamenta Ana.

Frente a inúmeras discussões sobre o porquê de uma mulher assumir um cargo importante no estúdio, Ana tomou a decisão assertiva de agarrar outras oportunidades dentro do ambiente de Big Data e Inteligência Artificial no Brasil mesmo, em outra marca.

Princípios e autonomia no trabalho foram maiores que sua vontade de crescer profissionalmente no exterior. Mandou muito bem, Ana!

UM POUCO SOBRE INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

"Entrar no universo da AI requer muita atualização, curiosidade e aprofundamento em diversos temas, inclusive cursos de muitas disciplinas fora do contexto da tecnologia".

A ideia de Ana é se profissionalizar em Inteligência Artificial, porque, segundo ela, "uma vez que você aprende a lógica da programação, você quer dominar a ferramenta". O foco, como carreira, ainda segue na área de consultoria e auxílio na estratégia de negócios e mercado, mas Ana quer ter mais autonomia para falar sobre dados, modelagem estatística e, principalmente, sobre inteligência artificial.

DADOS, DADOS, DADOS E MAIS DADOS...

Há mais de um ano no setor, Ana ressalta a importância de entender sobre a captação e utilização de dados. "A área de Big Data e AI movimenta mais de 4 bilhões de dólares no mercado e é uma das áreas com mais oportunidades de desenvolvimento técnico e de carreira a nível global. Esse movimento não acontece somente nas empresas, mas também no dia a dia das pessoas. Hoje, com a era digital, tudo é compartilhado de maneira online. Ao mesmo tempo em que essa mudança de comportamento cresce, há um movimento contrário, que começa a tratar sobre a privacidade dos dados" afirma Ana.

Em agosto de 2020 (se não houver alterações), entrará em vigor a Lei Geral de Proteção de Dados, que tem como objetivo organizar e proteger a privacidade dos dados pessoais. A Lei cria regras claras sobre os processos de coleta, armazenagem e compartilhamento dessas informações e, dessa forma, ajuda a promover o desenvolvimento tecnológico na sociedade e a própria defesa do consumidor - não vai ficar para trás, hein?! Lá vai uma super dica: no canal do Youtube da Lemonade School, tem um curso online GRÁTIS sobre a LGPD!!! Corre lá e aproveita \o/

"Com o tempo e com a ajuda da regularização, a consciência da das pessoas vai mudar e elas vão se informar melhor de como os dados estão sendo utilizados; haverá uma grande mudança de mindset" comenta Ana.

NA TORCIDA COM MUITO ORGULHO

Desejamos muito sucesso para você, Ana! Admiramos seu profissionalismo e nos inspira termos alunas como você. Estamos caminhando ao seu lado, viu? Arrase, baby!

PUBLICAÇÕES RECENTES